Todos os posts de Felipe Fontes

Perfil de atleta – Cauí Vieira

Perfil de atleta – Cauí Vieira

Comecei a escalar aos 15 anos em Goiânia, cidade onde nasci e me apaixonei pelo esporte. 

Logo me mudei pra Recife, onde tive o prazer de conhecer a escalada tradicional e a oportunidade de aprender a abrir novas vias. O estado de Pernambuco possuia poucas vias abertas, mas muitas possibilidades. Foram mais de dez anos procurando setores e abrindo linhas interessantes, sempre documentando e divulgando, pra que todos pudessem ter acesso. Ler mais

Avaliação de produto: sapatilha Kestrel, da Five Ten, para MTB

Avaliação de produto: sapatilha Kestrel, da Five Ten, para MTB

Por Raphael Nishimura

Durante alguns meses eu utilizei a sapatilha Kestrel da Five Ten desenvolvida para mountain bike, o teste foi feito em climas, percursos e duração do pedal diferentes e sem dúvida a primeira grande impressão é o conforto. Se não fosse pelo espaço na sola para a colocação do taco, a sapatilha passaria facilmente por um calçado normal.

Ler mais

Escalada no ar rarefeito: a conquista do pico La Esfinge

Escalada no ar rarefeito: a conquista do pico La Esfinge

Por Cauí Vieira

Oito dias após desembarcarmos no Peru tiramos nosso primeiro dia de descanso total, em um hostel em Huaráz. A semana anterior foi de escalada/aclimatação nas belas vias esportivas de Hatun Machay (também conhecida como Floresta de Pedra), onde passamos frio e sentimos os efeitos da altitude no corpo pela primeira vez.

O parceiro desta empreitada foi o curitibano Otto, companheiro de cordada em outras roubadas semelhantes.

Aproveitamos nosso dia de descanso para comer bem, coletar informações e planejar o dia seguinte. A ideia era tentar subir alguma montanha com 5 mil metros de altitude, para aclimatar melhor e chegar com mais fôlego no nosso objetivo principal da trip: La Esfinge (5325m).

Ler mais

12 anos e escalando muito: a participação da atleta-mirim Amanda Criscuoli no RockJunior, na Itália

12 anos e escalando muito: a participação da atleta-mirim Amanda Criscuoli no RockJunior, na Itália

Por Amanda Criscuoli

O campeonato mais importante da minha vida.

Eu sempre sonhei em ir para um campeonato mundial de escalada, sempre vi os famosos lá, como o Adam Ondra, a Janja Garnbret e vários outros. Mas nunca realmente pensei que fosse estar lá assistindo ao vivo e também competindo com garotas de vários lugares do mundo. Ler mais

3 acessórios que fazem a diferença para seu desempenho na escalada esportiva

3 acessórios que fazem a diferença para seu desempenho na escalada esportiva

Por Bianca Castro – Climbing4Life

Assim que você começa a escalar, logo aprende quais são os equipamentos básicos para praticar o esporte. Inicialmente, sapatilha, cadeirinha e saquinho de magnésio, o famoso “kit aba”.

Mais para frente, corda, costuras e gri-gri se tornam equipamentos essenciais para ter autonomia no esporte. Porém, na minha opinião, existem alguns outros equipamentos que te auxiliam na prática da escalada esportiva.

Ler mais

Sonho de escalador: conquistando o Pão de Açucar pela primeira vez

Sonho de escalador: conquistando o Pão de Açucar pela primeira vez

Por Raphael Nishimura

E finalmente eu consegui escalar do Pão de Açúcar!

Uma escalada que sonhava desde 2008, quando eu comecei a escalar na rocha. Mas por diversos fatores eu nunca havia me dado a oportunidade, mesmo viajando para o Rio de Janeiro diversas vezes.

Ler mais

As 10 melhores vias de escalada em Gonçalves, MG (+ Croqui em PDF)

As 10 melhores vias de escalada em Gonçalves, MG (+ Croqui em PDF)

Por Cláudio Brisighello

Neste meu primeiro texto por aqui, vou aproveitar o espaço para falar de boas escaladas desta região de São Bento do Sapucaí e sul de Minas. Sempre no intuito motivador!

Desta vez homenageio o setor Cruzeiro em Gonçalves: para quem acessou o croqui eletrônico que fiz no ano passado, devem ter notado ao final alguns depoimentos de “linhas favoritas” de grandes escaladores que prestigiaram os boulders do local.

Ler mais

Treino de escalada: a disciplina da atleta Camila Macedo

Treino de escalada: a disciplina da atleta Camila Macedo

Por Camila Macedo

Meu treinamento é planejado com a antecedência de no mínimo dois meses e meio de um campeonato, assim posso contar com pelo menos dois ciclos de 5 semanas onde faço 4 semanas de treino para uma de recuperação.

O planejamento é fundamentado nas especificidades do treinamento, por isso realizo exercícios de força localizada, compensatório e condicionamento físico com o personal trainer Bruno Klein.

Ler mais